DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Engenharia Cerâmica e do Vidro > CV - Dissertações de mestrado >
 Asymmetric rolling of aluminium 1050
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/5781

title: Asymmetric rolling of aluminium 1050
other titles: Laminagem assimétrica do alumínio 1050
authors: Kudrathon, Bahadirov
advisors: Lopes, Augusto Luís Barros
keywords: Ciência dos materiais
Laminagem (metais)
Chapas metálicas
Anisotropia
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Neste trabalho foi investigada a laminagem convencional e a laminagem assimétrica de chapas de alumínio 1050. Foram estudados três tipos diferentes de laminagem: laminagem convencional, laminagem assimétrica contínua e laminagem assimétrica com inversão da direcção de laminagem. A influência da orientação cristalográfica dos grãos e da estrutura de deslocações desenvolvidas durante a deformação plástica no comportamento mecânico do material foi analisada utilizando difracção de raios x e microscopia electrónica de transmissão. O modelo viscoplástico auto-coerente foi utilizado para quantificar o efeito da textura cristalográfica na evolução das curvas tensão-deformação obtidas em tracção uniaxial nas amostras após laminagem e tratamento térmico. Os resultados obtidos mostraram que a laminagem assimétrica promove a deformação de corte ao longo da espessura da chapa e o desenvolvimento de componentes de textura de corte que são preservados durante o tratamento térmico. Estes componentes de textura, não gerados por laminagem convencional, conduziram ao aumento do coeficiente de anisotropia normal e da formabilidade da chapa metálica. Um aumento da tensão de escoamento foi também observado em todas as amostras laminadas e tratadas termicamente. Este efeito foi atribuído ao refinamento do grão associado ao desenvolvimento de uma estrutura constituída por sub-grãos com 1-2 μm de tamanho.

was investigated. Three different types of rolling were studied: conventional rolling, asymmetric rolling continues and asymmetric rolling reverse. The influence of crystallographic orientation of the grains and dislocation structure developed during plastic deformation on the mechanical behavior of the material was analyzed using X-ray diffraction and transmission electron microscopy. The visco-plastic self consistent model was used to quantify the effect of crystallographic texture on the stress-strain curves obtained in tensile tests performed on the rolled samples before and after heat treatment. The results showed that the asymmetric rolling produces shear strain along the thickness of the sheet that leads to development of crystallographic texture shear components that was preserved after annealing. These texture components, not generated in conventional rolling, led to an increase of the normal anisotropy coefficient and the formability of the metal sheet. Increase of flow stress was also observed in all rolled and heat treated samples. This effect was attributed to grain refinement with development of sub-grain structure with 1-2 μm size.
description: Mestrado em Ciência dos materiais
URI: http://hdl.handle.net/10773/5781
appears in collectionsCV - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
5009.pdf12.16 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2