DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial > DEGEI - Dissertações de mestrado >
 Integração normativa na gestão da qualidade: um estudo de caso
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/4607

title: Integração normativa na gestão da qualidade: um estudo de caso
authors: Marques, Agnelo da Silva
advisors: Gouveia, Joaquim José Borges
keywords: Gestão da qualidade
Certificação de qualidade - Normas
Gestão de empresas
issue date: 2005
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A qualidade, conceito abrangente da gestão empresarial, é ainda vista nas organizações como de impacto ténue. Sendo as normas um elemento do equilíbrio social, elas mostram-se de cada vez mais presentes na gestão global das empresas. Uma cultura normativa pode determinar o nível de competitividade. Sendo, esta sim, conceito nuclear das empresas, parece que o caminho assenta na normalização sistémica a que as organizações voluntariamente aderem, impulsionadas, em regra, pela gestão da qualidade, a que crescentemente vão integrando outros sistemas (gestão ambiental, gestão da higiene e segurança, entre outros sectoriais). Não se conhecendo produção bibliográfica relevante sobre o tema, pretende esta dissertação, por via exploratória, analisar a actual dinâmica no que se refere ao Sistema de Gestão da Qualidade (ISO 9001:2000) e à a sua compatibilidade normativa (integração) com outros referenciais. Procura também discernir sobre quais os factores que conduzem as empresas à adesão a uma norma e, dominado esse caminho, porque se abalançam para sistemas integrados e em que medida interferem na competitividade das empresas. Contempla esta dissertação uma parte empírica assente em case study, relevando o modo como a empresa Saint-Gobain Mondego, S.A. implementou sistemas por diferentes referenciais normativos e os integrou nos seus planos da gestão da qualidade (certificada).

The quality, a large concept of the enterprise management, is still seen in the organizations as of low impact. Being the standards an element of the social balance, they are presenting more and more in the global management of the companies. A normative culture can determine the competitiveness level. Being a nuclear concept of the companies, it seems that the way seats in the systemic normalization the one that the organizations adhere in a voluntary away, stimulated, in rule, by quality management. Above that, they increasingly go integrating other systems (environmental management, occupational health and safety management, among other specific ones). It is not known any relevant bibliographical production about this subject. The aim of this study is to analyze, in an exploratory away, the current dynamic referred to the Quality Management System (ISO 9001:2000), as well its normative compatibility (integration) with other standards. It also intended to discern on which are the factors that the companies lead to the adhesion to a specific standard and, guaranteed this way, why they search an integrated system and in what away that touch with the competitiveness of the companies. For this intent, a case study research was conducted over the company Saint-Gobain Mondego, S.A.. Supported by a literature review, the study searches how they have implemented their systems through different normative standards and how they have integrated it in their plans of the quality management (certified).
description: Mestrado em Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação
URI: http://hdl.handle.net/10773/4607
appears in collectionsDEGEI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
200906.pdf1.24 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2