DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Química > DQ - Dissertações de mestrado >
 Estudo de síntese e cinética de libertação controlada em bionanocompósitos
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/4527

title: Estudo de síntese e cinética de libertação controlada em bionanocompósitos
authors: Moreira, Joana da Silva
advisors: Trindade, Tito da Silva
Silva, Ana Luísa Daniel da
keywords: Engenharia química
Libertação de fármacos
Cinética química
Síntese química
Biopolímeros
Nanocompósitos
issue date: 28-Jul-2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Neste trabalho estudou-se a cinética de libertação de um fármaco modelo encapsulado em suportes de natureza polimérica compostos por uma matriz de um hidrogel termoreversível, o -carragenano. Os parâmetros estudados incluem a composição da matriz polimérica, a adição de cargas (nanopartículas de ouro e de magnetite), a configuração (macro ou nanoescala) e o agente indutor da libertação (temperatura ou radiação infravermelha). Foram testados os modelos de cinética de ordem zero, de primeira ordem, de Higuchi e de Baker-Lonsdale. Os sistemas em estudo apresentam um perfil de libertação característico de um processo de libertação controlada de fármacos. Os modelos cinéticos que melhor se ajustaram aos resultados experimentais obtidos foram, no caso da libertação a partir de discos, o modelo de Higuchi e o da cinética de ordem zero. Na libertação a partir de suportes sob a forma de nanoesferas, a cinética de ordem zero, o modelo de Higuchi e o modelo de Baker-Lonsdale são os modelos cinéticos que melhor se ajustaram aos resultados experimentais.

In this work the kinetics of the release of a model drug incorporated into a polymer-based carrier composed by the thermoreversible hydrogel - carrageenan was studied. The parameters studied include the composition of the polymer matrix, the incorporation of fillers (gold and magnetite nanoparticles), the configuration of the carrier (macro or nanoscale) and the trigger of the release (temperature or infrared radiation). The kinetics models tested were zero-order, first order, Higuchi and Baker-Lonsdale models. The systems here studied exhibit a release profile typical of a process of controlled drug release. The kinetic models that provide the best fit to the experimental results were, in the case of the release from discs, the Higuchi model and zero order kinetics. For the release using nanospheres, the zero order kinetics, the Higuchi’s model and Baker-Lonsdale model were the kinetic models that have provide the best fit to the experimental results.
description: Mestrado em Engenharia Química
URI: http://hdl.handle.net/10773/4527
appears in collectionsDQ - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
236333.pdf4.54 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2