DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Línguas e Culturas > DLC - Dissertações de mestrado >
 Formar para comunicar: o caso das empresas de cortiça no concelho de Santa Maria da Feira
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/4026

title: Formar para comunicar: o caso das empresas de cortiça no concelho de Santa Maria da Feira
authors: Pereira, Marta Luísa Soares Ribeiro
advisors: Callahan, Kenneth David
keywords: Gestão de empresas
Comunicação na empresa
Línguas estrangeiras
Indústria da cortiça - Santa Maria da Feira (Aveiro, Portugal)
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Nesta conjuntura mundial de globalização, em que a concorrência é cada vez mais ávida, não só no âmbito local ou nacional mas cada vez mais a nível internacional, é cada vez mais imperativo as empresas estarem preparadas para fazer face aos desafios para se manterem nos mercados em que focam os seus negócios e também no sentido de investirem e penetrarem em novos. Para que a resposta seja eficaz, especialmente quando se trata de situações a nível internacional, as empresas têm necessidade, para além da constante modernização e inovação, de elevarem os seus recursos humanos a um patamar exímio no que diz respeito à forma e qualidade de contactar com o estrangeiro. Neste sentido, o objecto de estudo baseou-se em empresas do sector que mais sucesso tem a nível nacional no que respeita a produção e exportação – o sector da cortiça – do concelho que mais empresas de cortiça e produtos de cortiça aglomera – Santa Maria da Feira. Foi feita uma análise com o objectivo de fazer um levantamento das dificuldades e necessidades que os seus funcionários poderiam ter relativamente ao tipo e forma de comunicação utilizada com o estrangeiro, na área de negociação e línguas estrangeiras, para finalizar com uma proposta de intervenção formativa nas áreas mais relevantes para o sucesso pessoal e profissional dos trabalhadores e consequentemente das empresas.

In this world globalization conjuncture, that leaves to a solid competitiveness, not only local or national based but also more and more internationalized, it’s imperative that the companies stay prepared to face the challenges to continue in the markets that their business are focused and also to invest and penetrate in new markets. In order to give an effective response, especially in an international level, the companies need a constant modernization and innovation but, most of all, to take the quality and the contact approaches with the foreign countries of their employees to a higher level. Regarding this, the study was based on the companies of the most successful sector in Portugal in respect to production and export – the cork sector – of the region with the biggest number of cork and cork products companies in the country – Santa Maria da Feira. The study investigation has the purpose of gather information about the difficulties and necessities that the employees might have regarding the use of international communication type and forms, in negotiation skills and foreign languages use, to end with a training intervention proposal in the most relevant subjects for the personal and professional success of the employees and consequent success of the companies.
description: Mestrado em Línguas e Relações Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10773/4026
appears in collectionsDLC - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
4437.pdf821.55 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2