DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 A influência digital na desmaterialização da obra de arte
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/3669

title: A influência digital na desmaterialização da obra de arte
authors: Jorge, Ana Nunes
advisors: Bastos, Paulo Bernardino das Neves
keywords: Criação artística
Filosofia da arte
Arte digital
Fotografia - História
Fotografia digital
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Nesta dissertação procura-se compreender a influência dos sistemas digitais na desmaterialização da obra de arte. Em concreto, é proposto um paralelismo entre o desenvolvimento da tecnologia e o percurso da arte, não perdendo de vista a reciprocidade que mantêm com o indivíduo. Com�o metodologia apresentam-se duas abordagens fundamentais: a reprodutibilidade técnica que introduziu um novo conceito de imagem e de real permitindo e impulsionando a libertação da arte, e os sistemas digitais qu�e efectivamente desmaterializaram a obra de arte ao fazer depender a sua existência da participação do observador, condição extremada pelos sistemas em realidade virtual que imergem o indivíduo numa realidade imulada, sem a mediação de uma interface visível. O fio condutor das sinergias entre a tecnologia e a arte é o enfoque na percepção e na cognição do indivíduo virtualizado pelos dois sistemas pela extensão dos sentidos. Osmose de Charlotte Davies, em R.V., encerra a dissertação ao funcionar como paradigma da obra de arte imaterial. A imagem deslocou a presença virtualizando o indivíduo. Nos sistemas em R.V. o participante, estendido pela a consciência e traduzido em informação numérica, vive e age em “osmose” com o simulacro que é a obra de arte.

The aim of this dissertation is to understand the influence of the digital systems on the dematerialization of the art work. In concrete, we have focus in the advance of the technology and the art course without losing their affinity with the subject. As methodology we consider two fundamentals matters: Technological reproducibility which has introduced a new image and reality concepts towards the art freedom; the digital systems that has lead to dematerialization of the art work because of its dependency on the participation of the observer. This dependency was extreme by the immersion in V.R. systems because of the absence of a visible interface, on which Osmose is the paradigm as an immaterial art work.
description: Mestrado em Criação Artística Contemporânea
URI: http://hdl.handle.net/10773/3669
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
4553.pdf3.07 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2