DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 Para um sistema de orientação em meio hospitalar: o Hospital Infante D. Pedro em Aveiro como estudo de caso
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/3505

title: Para um sistema de orientação em meio hospitalar: o Hospital Infante D. Pedro em Aveiro como estudo de caso
authors: Costa, Inês Pericão Mónica da
advisors: Quental, Joana Maria Ferreira Pacheco
Providência, Francisco
keywords: Design
Sinalética
Comunicação visual
Hospitais - Estudos de caso
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A presente dissertação surge de uma necessidade comunicada pelo Hospital Infante D. Pedro em Aveiro: redesenhar a sinalética do espaço hospitalar. A ampliada componente ética associada a um programa que se pretende um contributo efectivo na melhoria do bem-estar da população, assim como a circunstância do desenvolvimento de um projecto em contexto real, constituíram fortes motivações que incitaram a aceitação deste desafio. O Hospital Infante D. Pedro apresenta-se, assim, como ponto de partida para uma reflexão sobre o papel regenerador do design no meio hospitalar. O enquadramento teórico incide na importância do Design de Informação no quotidiano contemporâneo e a aplicabilidade dos seus princípios nos sistemas de orientação no espaço. Estudam-se, em termos práticos, as possibilidades de combinação dos elementos base, através dos quais os suportes de sinalização adquirem forma e identidade. Segue-se a análise do meio hospitalar e influência que o seu desenho e organização podem assumir como meio terapêutico no restabelecimento do paciente, bem como para uma vivência mais confortável, segura e tranquila da comunidade hospitalar. Por fim, são aplicados os pressupostos desta sustentação conceptual ao cenário de intervenção: o Hospital Infante D. Pedro. A partir do estudo desenvolvido, conclui-se que o designer assume um papel de destaque como promotor do diálogo entre os espaços de saúde e os utentes e profissionais que nele participam, para uma resposta empenhada que garanta a disponibilização de uma habitabilidade humanizada do hospital: uma sinalização que se quer centrada no receptor e atenta às suas limitações e desejos, oferecendo mais segurança e, consequentemente, mais eficiência nas acções a tomar. Sobressai também a noção de que um sistema de sinalização deve assumir uma relação de simbiose com a arquitectura: a organização e morfologia do espaço devem dar indicações implícitas, sendo atribuída aos suportes de sinalização a responsabilidade da confirmação explícita.

The following dissertation aims to answer to a requirement demanded by the Infante D. Pedro Hospital in Aveiro: to create a new signage system for the hospital building. The importance of the ethic component associated to a program that claims to contribute in the welfare of the population, and the opportunity to take part in a real-context project, constituted the personal motivations besides this challenge. This hospital will be presented as a starting point for a comprehensive study on the design regenerating role in healthcare facilities. The theoretical context is focused on the importance of Information Design in contemporary quotidian, and its application in wayfinding design. The possibilities of elements combination by which signage acquire identity and form are studied in a practical point of view. Afterwards, the therapeutic influence of the healthcare facilities design over the patient is also analyzed, as well as its importance in the patient!s comfort, safety and tranquility. At the end, the assumptions of this conceptual view are applied in the development of the design project. It can be concluded that the Design assumes a crucial role as a promoter for the interface between the healthcare facilities and the users and professionals involved. A good signage system will provide the right answer assuring a pleasant and peaceful environment in the hospital: the signage should be targeted for the receptor and should be designed according to its limitations and desires, inspiring trust, and consequently, more efficiency in its actions. It must also be stated that the signage system should assume a symbiosis relation with the arquitecture: the space organization and morphology shall give specific indications while the signage represent the explicit confirmation.
description: Mestrado em Design
URI: http://hdl.handle.net/10773/3505
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
4347.pdf93.83 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2