DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território > CSPT - Teses de doutoramento >
 Metodologias PBL em ambientes simulados no ensino superior profissionalizante
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/3476

title: Metodologias PBL em ambientes simulados no ensino superior profissionalizante
authors: Pinheiro, Margarida Maria Solteiro Martins
advisors: Silva, Cláudia Sofia Sarrico Ferreira da
Santiago, Rui
keywords: Metodologia de ensino
Ensino superior
Trabalho de projecto
Estratégias da aprendizagem
Métodos pedagógicos
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A presente tese debruça-se sobre as metodologias PBL (quer numa vertente de project-based learning, quer numa vertente de problem-based learning) em ambientes simulados no ensino superior profissionalizante. Tendo por base esta problemática, emerge, como objectivo geral do presente trabalho, analisar e interpretar a forma como as alterações promovidas pelas metodologias PBL, em ambientes simulados, produzem implicações ao nível dos processos de aprendizagem num ensino superior profissionalizante. Em referência à natureza do tema, começamos por colocar no centro da discussão a problemática dos diferentes propósitos que a educação superior pretende alcançar. A ideia de uma identidade que enalteça novos valores de trabalho, a partir da colaboração entre os actores mais interessados (alunos, docentes, entidades empregadoras e diplomados) parece justificar a observação de campos de reflexão sobre diversos paradigmas de natureza curricular e de ensino-aprendizagem. Decorre desta asserção a pertinência da aliança, não só entre a prática pedagógica e a prática profissional, como também entre os elementos considerados fundamentais para o enriquecimento do perfil profissional do indivíduo (factores sociais e pessoais). Alicerçados numa investigação descritiva, avaliativa e de desenvolvimento, objectivamo-nos para um melhor conhecimento acerca das metodologias de simulação e PBL, capaz de permitir saber qual o impacto destas metodologias nos processos de ensino-aprendizagem, que não negligencie os conhecimentos obtidos para verificar se as metodologias implementadas estão a funcionar de acordo com as expectativas dos sujeitos envolvidos. Assim, a investigação proposta integra as metodologias de simulação e do tipo PBL enquanto modelos organizacionais que se situam, teoricamente, entre a consciência dos papéis tradicionais dos alunos e dos docentes, e a necessidade de procurar dar sentido às mudanças que estão a ocorrer dentro do campo dos processos de ensino-aprendizagem no ensino superior. Como pedras de toque dos modelos propostos, salientam-se a mudança do paradigma do ensino para a aprendizagem, a atenção aos contextos sociais desta, a promoção de ambientes emuladores de situações reais relevantes, a responsabilização activa dos estudantes pelo seu próprio conhecimento e a visão interdisciplinar e global deste mesmo conhecimento. Este conjunto de preocupações induziu-nos a formular diversas questões de investigação. Com efeito, procuramos saber, em termos gerais: como é que os estudantes, que participaram em metodologias de tipo PBL, perspectivam o impacto das mesmas nas suas motivações e desempenhos; se existe algum tipo de alteração ao nível das formas de acesso e produção do conhecimento nos estudantes envolvidos em metodologias de tipo PBL; quais os potenciais efeitos, no perfil dos diplomados, das mudanças promovidas pelas metodologias de tipo PBL; até que ponto as metodologias de tipo PBL contribuem para um perfil mais profissionalizante do diplomado; e que tipo de estratégias específicas são susceptíveis de ser modificadas nas práticas de ensino dos docentes que se encontram envolvidos em metodologias de tipo PBL. Sob esta orientação, o estudo empírico que se desenvolve é abordado sob a forma de estudo de caso, que assume como seu objecto a disciplina de Projecto Profissional ministrada no Instituto Superior de Contabilidade e Administração da Universidade de Aveiro (ISCA-UA). Procurando que o presente trabalho, nas suas conclusões finais, permita dar, se não respostas, pelo menos orientações de respostas às questões enunciadas, e dado que o campo de estudo seleccionado se reporta ao estudo de caso da disciplina de Projecto Profissional ministrada no ISCA-UA, definimos, como objectivo específico, a análise dos potenciais efeitos da utilização de uma metodologia tipo PBL em ambientes simulados, triangulando as perspectivas dos alunos, docentes, empregadores e diplomados envolvidos. Com este enquadramento, as hipóteses gerais são operacionalizadas através do recurso aos instrumentos do questionário e da entrevista, aplicados aos elementos envolvidos no estudo de caso. Como estratégias para o tratamento e a análise dos dados elegem-se abordagens quantitativas, sob a forma de análise estatística do questionário, e abordagens qualitativas, sob a forma de análise de conteúdo para a entrevista. Acentuando a importância de os resultados poderem contribuir para a construção do conhecimento sobre as metodologias de ensino a nível da educação superior, consideramos que os principais contributos deste trabalho se situam na dissonância, sobretudo em termos de competências sociais, pessoais e de aprendizagens, do grupo das entidades empregadoras, por oposição aos restantes grupos; na delimitação das mais-valias das metodologias PBL em ambientes simulados, essencialmente na fase inicial de inserção profissional; na possibilidade de desenvolvimento do espírito empreendedor dos graduados; na diferenciação de actuação dos docentes consoante o seu perfil inclui ou não, experiência profissional; na percepção do tipo de competências verdadeiramente valorizadas pelos empregadores; e na reabilitação do insucesso manifestada nos mecanismos de feedback inerentes ao desenvolvimento pedagógico das metodologias.

This thesis is about PBL methodologies (either as project-based learning or problem-based learning) in simulated environments in vocational higher education. Given this theme, the main objective of the present work is to analyze and interpret the way changes promoted by PBL methodologies in simulated environments produce implication at the learning processes level in a vocational higher education. We start by putting at the centre of the discussion the different purposes of higher education. The idea of higher education as enhancing new work values, from the collaboration between interested parties (students, academic staff, employers, and graduates) seems to justify a reflection on several paradigms of curricular development and learning and teaching processes. From this it seems important to analyze the pertinence of an alliance between pedagogical and professional practices, and also between the elements considered fundamental for the enrichment of the professional profile of the individual (social and personal factors). Based on a descriptive, evaluative and developmental research, we aim at a better understanding of simulation and PBL methodologies, in order to ascertain the impact of these methodologies in the learning and teaching processes, and to verify if the implemented methodologies are working according to the expectations of those involved. Thus, the proposed research integrates the simulation and PBL-type methodologies, as organizational models, which are, theoretically, between the traditional roles of students and academics, and the necessity to give meaning to the changes that are occurring in the field of learning and teaching processes in higher education. As main aspects of this development, we highlight the change from a teaching to a learning paradigm, the attention given to the social context of learning, the promotion of simulated environments of relevant real situations, the active responsibility of students for their own knowledge, and the global and interdisciplinary character of this knowledge. This set of issues led us to formulate several research questions. Generally, we aim to know: how students, who have participated in PBL-type methodologies, assess the impact of these on their motivations and performance; if there is any kind of change at the level of how students involved in PBL-type methodologies access and produce knowledge; what the potential effects on the graduates profile of changes promoted by PBL-type methodologies; to what extent PBLtype methodologies contribute to a more professionalized graduate profile; and, finally, what specific type of strategies are susceptible of being modified in the teaching practices of the academic staff involved in PBL-type methodologies. Given this outline, an empirical study is developed as a case study, which assumes as its object the course of Projecto Profissional (Professional Project) in ISCA-UA (Higher Institute of Accounting and Administration of the University of Aveiro). Since the present work aims, in its final conclusions, if not answer, at least, to contribute to answering the questions raised, we defined as the specific objective of this study to analyze the potential effects of the utilization of PBL-type methodologies in simulated environments, triangulating the perspectives of the students, academic staff, employers and graduates involved. With this framework, the general hypotheses are operationalised through questionnaires and interviews, applied to the elements involved in the case study. As strategies to treat and analyze the data, we elect quantitative approaches - statistical analysis of the results of the questionnaire - and qualitative approaches - content analysis of the interviewees’ discourses. As the main contributions of this study to existing knowledge on teaching methodologies in higher education, we highlight the following: there seems to be a gap between employers and other stakeholders regarding, especially, social, personal and learning competences; PBL-type methodologies in simulated environments seem to add more value, essentially, at the beginning of the graduate’s professional career; the possibility of developing the entrepreneurial spirit of graduates; the difference in behavior between academics that do and do not have professional experience outside academia; differences in perception of the type of competencies truly valued by employers; and the rehabilitation of students’ academic failure by feedback devices inherent to this type of methodologies pedagogical development.
description: Doutoramento em Ciências Sociais
URI: http://hdl.handle.net/10773/3476
appears in collectionsUA - Teses de doutoramento
CSPT - Teses de doutoramento

files in this item

file sizeformat
2008001355.pdf2.01 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2