DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território > CSPT - Dissertações de mestrado >
 Estudo prospectivo do mercado de trabalho dos fisioterapeutas até 2030
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/3469

title: Estudo prospectivo do mercado de trabalho dos fisioterapeutas até 2030
authors: Lopes, Mário Alexandre Gonçalves
advisors: Castro, Eduardo Anselmo de
keywords: Administração do ensino
Ensino superior
Mercado de trabalho
Fisioterapia
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Esta dissertação foi elaborada no âmbito do Mestrado em Políticas e Gestão do Ensino Superior. O principal objectivo foi o de encontrar um método que permitisse prever a evolução ideal de oferta de fisioterapeutas que tivesse a máxima consonância com a procura, pois desconhece-se a relação entre a formação dos fisioterapeutas e a evolução de procura de fisioterapia. De forma a colmatar a falta de dados em território nacional, recorreu-se a dados estatísticos disponíveis a nível internacional. Entende-se, pois, que a fisioterapia sendo transversal a nível internacional, que as necessidades da população, relativamente a cuidados de fisioterapia sejam semelhantes, apesar de reconhecer diferenças dada a diversidade existente entre os sistemas de saúde dos países que integram o estudo (Portugal, Nova Zelândia, Bélgica, Suécia, Estados Unidos da América, Reino Unido, Canadá, África do Sul e Alemanha). A evolução da procura é aqui definida por uma função logística. A calibração da curva logística foi efectuada com base nos dados estatísticos dos países incluídos no estudo. Portanto, admite-se que a procura por ano e o número de fisioterapeutas, seguem uma curva logística que tende para um determinado valor de saturação. O número previsível de fisioterapeutas/habitante vai representar a procura. Através dos rácios obtidos calculou-se o número de fisioterapeutas que se prevê serem necessários até 2030. Com os dados resultantes calculou-se o número de vagas necessárias para atingir o equilíbrio entre a oferta e a procura prevista para a população. Estimou-se que o rácio de saturação para os países que integram este estudo é de 2,59 fisioterapeutas por 1000 habitantes. Verificou-se que todos os países apresentam evoluções positivas porém a ritmos diferentes. Caso se mantenha o quadro actual do número de vagas 958 por ano, prevê-se um excesso “médio” de aproximadamente 500 graduados até 2030. Os resultados obtidos apresentam um cenário pouco promissor para os fisioterapeutas. É de crucial importância o seguimento da evolução da situação pelas entidades competentes. ABSTRACT: This dissertation was developed within the scope of the Masters Degree in Politics and Management of Higher Education. The main objective was to develop a method which permitted the projection of the ideal evolution of physiotherapist supply to satisfy demand. The relation between the formation of physiotherapists and the evolution of demand is unknown in Portugal. In response to the lack of data in Portugal, the author turned to international data. Once physiotherapy has the same underlying principles, defined by the WCPT, its supposed, that physiotherapy serves the same needs in population of different countries, in despite of recognising the differences of the health systems of the countries included in this study (Portugal, New Zealand, Belgium, Sweden, United States of America, United Kingdom, Canada, South Africa and Germany). The evolution of demand is defined here by a logistic function. The calibration of the logistic curve was made with the statistics of the countries included in this study. Therefore, it is admitted that the demand per year and the number of physiotherapists follow a logistic curve which aims at a determined saturation point. The projected ratio of physiotherapists per resident will represent demand. Based on the projected ratios, the number of physiotherapists needed up to 2030 was calculated. With these results, the number of numerus clausus where calculated to achieve an equilibrium between demand and supply. The saturation ratio of physiotherapists per 1000 residents calculated for the countries included in the study was of 2,59. All countries present positive evolutions, although different speeds of evolution. In Portugal, if the numerus clausus maintains at 958 per year, it’s calculated a average oversupply of approximately 500 physiotherapist per year. The results obtained, foresee a dark scenario for the employment of physiotherapists in Portugal. It is crucial to have the evolution of this situation monitorised by the competent entities.
description: Mestrado em Políticas e Gestão do Ensino Superior
URI: http://hdl.handle.net/10773/3469
appears in collectionsCSPT - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file sizeformat
2011000030.pdf7.38 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2