DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Instituto Superior de Contabilidade e Administração > ISCA - Dissertações de mestrado >
 O regulamento (CE) nº 1606/2002 : impacto na utilização da linguagem XBRL
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/3242

title: O regulamento (CE) nº 1606/2002 : impacto na utilização da linguagem XBRL
authors: Coutinho, Rui Manuel da Silva
advisors: Santos, Carlos Alberto Lourenço dos
keywords: Contabilidade e auditoria
Normalização contabilística
Informação financeira
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Os aspectos culturais, económicos e políticos têm influenciado as práticas contabilísticas a nível mundial, originando diferentes normativos nos diversos países. Com a globalização, a comparabilidade é cada vez mais uma das principais características exigidas pelos destinatários da informação financeira, em especial pelos mercados financeiros que, por sua vez, têm assumido especial destaque na economia mundial. A fim de obter a tão desejada comparabilidade, a União Europeia iniciou o processo de harmonização contabilística, publicando o Regulamento (CE) nº 1606/2002, que veio obrigar as sociedades presentes nos seus mercados financeiros a adoptarem as Normas Internacionais de Contabilidade nas contas consolidadas. Com este processo ficaram criadas as condições necessárias para uma normalização ao nível do suporte do relato financeiro. O desenvolvimento das novas tecnologias da informação e da comunicação veio proporcionar o aparecimento de linguagens específicas de relato financeiro. A eXtensible Business Reporting Language (XBRL), apresenta vantagens incontestáveis que ajudam a melhorar a relevância, fiabilidade e comparabilidade da informação financeira. No entanto, passado uma década após o início do seu desenvolvimento a XBRL não é ainda a linguagem padrão no relato financeiro. Importa analisar o desfasamento referido relativamente à linguagem XBRL na União Europeia, bem como a sua representatividade relativamente a outros formatos utilizados na divulgação do relato financeiro. ABSTRACT: The cultural, economic and politics aspects have influenced the worldwide accounting practices, creating different rules in different countries. With globalization, comparability is increasingly one of the main characteristics required by users of financial reporting, particularly by the financial markets which have assumed particular prominence in the global economy. In order to achieve the much desired comparability, the European Union started the process of harmonization accounting, publishing Regulation (EC) nº 1606/2002, which requires listed companies in their financial markets to adopt International Accounting Standards in the consolidated accounts. With this process were created the conditions for a normalisation in the support of financial reporting. The development of new information and communication technologies offer came the emergence of specific language of financial reporting. The eXtensible Business Reporting Language (XBRL), has advantages that help improve the relevance, reliability and comparability of financial information. However, past a decade after the start of its development, XBRL is not yet the standard language in financial reporting. Therefore, it is crucial to examine the gap mentioned for the XBRL language in the European Union and its representativeness in relation to other formats used in the disclosure of financial reporting.
description: Mestrado em Contabilidade - Auditoria
URI: http://hdl.handle.net/10773/3242
appears in collectionsISCA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file sizeformat
2010000150.pdf617.53 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2