DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial > DEGEI - Dissertações de mestrado >
 A gestão do turismo nas áreas naturais protegidas do centro de Portugal
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1590

title: A gestão do turismo nas áreas naturais protegidas do centro de Portugal
authors: Souza, Luís Henrique de
advisors: Kastenholz, Elisabeth
Fidélis, Teresa
keywords: Gestão do turismo
Áreas protegidas
Ecoturismo
Turismo
issue date: 2006
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: As áreas naturais protegidas, referenciadas aqui como parques, reúnem um conjunto de apetências para a prática do turismo de natureza. Nestes espaços, a actividade assume uma importante reputação pela possibilidade de contribuir para a conservação dos recursos naturais e melhorar as condições socioeconómicas das comunidades locais. Por outro lado, o desenvolvimento do turismo de natureza encontra forte ressonância perante a dialéctica em torno da função intrínseca e da função utilitária dos parques. De acordo com o seu percurso evolutivo, o turismo apresenta-se como consumidor de capital natural e social e, a sua extensão para as áreas naturais protegidas, revela preocupações assentes na integridade do acervo biótico e abiótico albergado, para além das sensibilidades associadas ao tecido social das comunidades autóctones. Desta forma, a literatura defende uma maior relevância quanto ao papel da gestão do turismo de natureza, por forma a encontrar o equilíbrio entre a função intrínseca e a função utilitária dos parques. É neste contexto que se debruça a presente dissertação, focalizando o equilíbrio possível entre as funções das áreas naturais protegidas, na perspectiva do desenvolvimento sustentável. A investigação foi realizada nas áreas naturais protegidas da Região Centro de Portugal e objectivou discutir as percepções e as atitudes correntes do seu staff, reflectidas nos indicadores e nas ferramentas de gestão associados à sustentabilidade do turismo de natureza. Para tanto, aplicou-se uma metodologia com a utilização de técnicas de investigação que incluíram entrevistas e questionários aplicados ao staff destes parques. Ao mesmo tempo que se verificam duas modalidades de áreas naturais protegidas no âmbito da procura e da oferta turística, nomeadamente, os parques do turismo massificado e não massificado, procura-se comparar as percepções do staff destas tipologias acerca dos indicadores analisados, verificando como estes parques se posicionam diante das componentes da sustentabilidade. Pretende-se com este trabalho, contribuir para potencializar as mais valias do desenvolvimento sustentável do turismo nas áreas naturais protegidas, em de acordo com a realidade específica dos parques estudados; suscitar um diagnóstico a ser utilizado no planeamento do turismo de natureza e contribuir para a sistematização de indicadores responsáveis pelo acompanhamento da actividade em seu caminho para a sustentabilidade. ABSTRACT: The natural protected areas, referred to in this work as parks, form an ideal setting to develop nature tourism. In these places, the tourism activity gains an important reputation for offering possibilities to contribute to the conservation of natural resources and to improve life conditions to their local residents. On the other hand, the nature tourism development finds a strong resonance on the issues about the dialectic between the intrinsic and instrumental functions of parks. According to its evolving path, tourism consumes natural and social resources, and its expansion into the protected areas, reveals concerns about the integrity of the biotic and abiotic assets sheltered by these places, in addition to the sensibilities associated to the social tissue from autochthonous communities. Thus, the literature argues for a greater relevance of the management role as a way to find the possible balance between the intrinsic and instrumental functions of parks. In this context, the present dissertation reflects on this matter, focusing on the possible balance between the park s functions, in a sustainable development perspective. The research was undertaken in protected areas in the Central Region of Portugal and aimed to discuss the feelings and the current attitude of the parks employees, reflected by sustainable nature tourism indicators and management tools. This analysis relies mainly on the application of techniques that include interviews to assess the present situation of the nature tourism management and questionnaires to evaluate the importance given to the sustainability of tourism indicators by the staff of these parks. Once verified the existence of two types of parks associated with the touristic supply and demand, namely, the mass tourism parks and non-mass tourism parks, the research seeks to compare the staf f s perception of these typologies with the analysed indicators, verifying where these parks stand regarding the different sustainability components. This study thereby aims to contribute to strengthen the benefits from sustainable tourism to the protected areas in the Central Region of Portugal, according to the specific reality of these parks in order to provide a diagnosis to be used in nature tourism planning and contribute to the systemization of indicators responsible for monitoring the activity in its path to sustainability.
description: Mestrado em Gestão e Desenvolvimento em Turismo
URI: http://hdl.handle.net/10773/1590
appears in collectionsDEGEI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2008001761.pdf4 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2