DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial > DEGEI - Dissertações de mestrado >
 Rastreabilidade de componentes na cadeia de fornecimento
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1502

title: Rastreabilidade de componentes na cadeia de fornecimento
authors: Neves, Silvério Manuel dos Santos
advisors: Gouveia, Joaquim José Borges
keywords: Gestão industrial
Gestão de operações
Gestão de produtos
Distribuição dos produtos
Controlo de processo
issue date: 2005
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Como pouco se conhece sobre a aplicação e uso da tecnologia de RFID (Identificação por rádio frequência) na Identificação automática e recolha e dados de componentes na cadeia de fornecimento num contexto de rastreabilidade, o presente trabalho visa procurar conhecer melhor os fenómenos em estudo através de novas questões, novas explicações, tentando indagar as características e as alterações que esta tecnologia irá provocar na gestão da cadeia de fornecimento. A cadeia de fornecimento, para se adaptar às necessidades e exigências dos seus elementos, necessita que todas as suas actividades sejam integradas na procura do bom funcionamento dos seus fluxos de materiais, de crédito e de informação. Para que esta integração seja funcional e se possa controlar de modo efectivo os diferentes fluxos, é essencial a implementação de mecanismos de rastreabilidade. A sua implementação irá dotar todos os elementos da cadeia de fornecimento de meios de conhecimento para um melhor posicionamento ao nível operacional, táctico e estratégico. Tendo em consideração o acima descrito, o que conduziu à elaboração da presente dissertação baseou-se nos seguintes pressupostos: elaborar um modelo de aplicação da rastreabilidade baseado na revisão da literatura sobre a panorâmica da rastreabilidade; ter como tecnologia comparativa ao RFID o código de barras; ter como base casos já implementados com a tecnologia RFID; aplicar o modelo nos casos existentes no sentido de permitir tirar conclusões. Deste modo, o presente trabalho propõe-se contribuir com a criação e definição de um modelo de rastreabilidade que permita analisar e abordar a aplicação prática de um processo de rastreabilidade com uso da tecnologia RFID. Este modelo, que serviu de base às conclusões da presente dissertação, pode ser usado para a definição de um projecto de rastreabilidade assente num enquadramento em três perspectivas. A perspectiva da cadeia de fornecimento, onde se define o tipo de actividade da empresa, o tipo de processo e o tipo de produto. Na perspectiva da rastreabilidade é necessária a definição em termos de âmbito, tipo de perspectiva, foco da rastreabilidade e item de rastreabilidade. Após ter a perspectiva da cadeia de fornecimento e da rastreabilidade definida deve ser iniciado o processo de implementação de um sistema de informação adequado para que se possa receber a informação através da tecnologia RFID no sentido de efectuar a ligação do fluxo de informação com o fluxo físico. Onde devemos ter em consideração onde é colocada fisicamente a identificação, o modo de uso, o ambiente de utilização e o circuito de utilização. Após a aplicação do modelo nos casos existentes verificou-se que a aplicação da tecnologia RFID está maioritariamente associada a uma perspectiva interna de rastreabilidade, a uma colocação da identificação no meio de transporte interno do produto e num contexto da actividade de produção. Como se constatou no presente trabalho, a tecnologia RFID tem claras vantagens em relação ao código de barras: capacidade de leitura e escrita; não necessitar linha de vista; suporte a altas temperaturas e a ambientes pesados. Estas vantagens fazem com que sejam as empresas com actividade de produção a usá-la e implementá-la em projectos de rastreabilidade. Em termos de futuro deverá ser analisada a evolução da aplicação da tecnologia em termos de rastreabilidade de componentes em empresas com actividades de distribuição, transporte e ponto de venda. Sendo possível, deste modo, o alargamento do uso da tecnologia em mecanismos de rastreabilidade à medida que o conceito de gestão da cadeia de fornecimento se for aplicando de forma mais generalizada. ABSTRACT: We don’t have a clear view and the necessary understanding about applying RFID technology in tracking and tracing of parts in the supply chain. This work tend to search a better phenomena knowledge in study with new questions and new explanations in order to know how the supply chain management will be affected by the RFID technology. The supply chain needs the integration in his activities level in order to obtain a good material, credit and informational flows performance. This imperative is based in the new supply chain participants necessities and desires. To have a functional integration and an effective control of the three different flows is mandatory a tracking and tracing framework system implementation. This implementation will give to all supply chain participants the knowledge and tools to have an excellent operational, tactic and strategic positioning. Considering these issues described above, the present work was did respecting the following guide-lines: develop a tracking and tracing application model based on the literature review; choosing the bar code as the comparative technology; accepting only success real cases using RFID technology; applying in the case studies the tacking and tracing model developed to have the necessary information to pick up appropriate conclusions. In this way, this present work tend to contribute with a tracking and tracing model tool to help analysing and defining a real practice application of the RFID technology in a tracking and tracing process. The tracking and tracing model can be used to starting a new project based in three fundamental orientations. One of them is about the supply chain where we need to select the company activity, the production process type and the product type. Another orientation is dedicated to the tracking and tracing issue. Is necessary to define the scope, the type, the focus and the item that will have to track. The other orientation is related with technology. We need to consider where we put physically the identification, his mode of use, where will be used in terms of conditions and the utilization circuit. After the application of the tracking and tracing model in the real case studies, was detected that the RFID technology is used in large scale in an internal tracking and tracing scope, the physical identification location is in the product carrier and used in the production scene. As we concluded in this present work, the RFID technology has significant advantages comparing with the bar code technology. With the use of RFID we can have the possibility to use in a write and read mode, we don’t need a line of view to interact and transfer information and we can use in conditions with high temperatures and presence of liquids. This group of advantages was the reason why the productions companies started the implementation of tracking and tracing projects with RFID technology. In the future, we shall analyse the evolution of RFID use in tracking and tracing projects in companies with different activities than production, like distribution, transport and point of sales. In this way, the general technology use among all supply chain participants in tracking and tracing tools will be a reality as the supply chain management concept will be adopted.
description: Mestrado em Gestão de Operações
URI: http://hdl.handle.net/10773/1502
appears in collectionsDEGEI - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2007000106.pdf1.26 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2