DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Educação > DE - Dissertações de mestrado >
 Primeiro ensino clínico na perspectiva do estudante : das experiências à prática
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1364

title: Primeiro ensino clínico na perspectiva do estudante : das experiências à prática
authors: Ferreira, Sara Isabel de Jesus
advisors: Costa, Nilza Maria Vilhena Nunes da
Abreu, Wilson Jorge Correia Pinto de
keywords: Ensino da enfermagem
Supervisão clínica
Técnicas pedagógicas
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: O primeiro Ensino Clínico representa a oportunidade real que os estudantes têm de prestar cuidados de Enfermagem em contexto hospitalar. A teoria aprendida na Escola fornece aos estudantes a base de sustentação da prática, mas torna-se insuficiente, especialmente, quando ocorrem situações imprevistas. O tutor, neste caso específico, o Enfermeiro da prática de cuidados, é o elemento-chave do acompanhamento. Neste estudo pretendemos conhecer a expectativa do estudante relativamente ao Ensino Clínico e ao tutor, a sua vivência, as dificuldades sentidas e as estratégias supervisivas utilizadas pelo tutor para ultrapassar as adversidades. Entrevistamos seis estudantes do Curso de Formação Inicial em Enfermagem da Escola Superior de Saúde da Universidade de Aveiro, que realizaram o Ensino Clínico no Centro Hospitalar do Alto Minho, em dois momentos distintos: antes do Ensino Clínico e após o mesmo. Para a recolha de dados elaborámos duas entrevistas semi-estruturadas, uma para aplicar antes da realização do Ensino Clínico e outra após o mesmo. Recolhidos os dados, identificamos as entrevistas, categorizamos a informação e fizemos a análise de conteúdo com a ajuda do programa NU*DIST na sua versão 6.0. Dos resultados obtidos constatamos que o primeiro Ensino Clínico, bem como o tutor corresponderam às expectativas dos estudantes. Estes conseguiram desenvolver durante o Ensino Clínico, as Intervenções de Enfermagem aprendidas na Escola, assim como outras que lhe foram ensinadas pelo tutor. As dificuldades previstas prendem-se com aspectos ligados à relação entre os estudantes e o tutor; às Intervenções de Enfermagem, nomeadamente o receio e o nervosismo de prestar cuidados à pessoa pela primeira vez; ao relatório de estágio; agir em situações de emergência; a falta de oportunidade para demonstrar os conhecimentos e à postura do tutor, em particular o questionamento e a avaliação. Após o Ensino Clínico, e com excepção da falta de oportunidade, todas as outras dificuldades são referidas pelos estudantes, que, lhe acrescentam as relacionadas com o serviço e a linguagem científica utilizada. Ao longo do Ensino Clínico as dificuldades vão-se desvanecendo, graças, em parte à postura e às estratégias supervisivas utilizadas pelos tutores. Os estudantes confirmam as suas expectativas face à relação de amizade e empatia que pretendiam estabelecer com o tutor, contudo, houve um tutor que adoptou uma postura de altivez e distância face a eles. Os estudantes consideram que na componente teórica que antecedeu o Ensino Clínico poderiam ter ampliado conhecimentos na área da Farmacologia e não aprofundar tanto os aspectos contextualizantes de algumas teorias. Contudo, os estudantes admitem que este Ensino Clínico os irá marcar, não só a nível da sua formação académica, mas também da profissional, pois é a partir daqui que a sua identidade profissional será construída. ABSTRACT: The first Clinical learning placement can be understood as the beginig of learning with the “real Nursing”. The theoretical base developed in the school is insufficient, specially, when unforeseen situations take place. The tutor, in this specific case, the Nurse of caring practise, is the key element of theory-pratice harmonization. In this study we intend to know the student expectation relatively to the Clinical Teaching and mentorship, their difficulties and the supervision strategies used by the tutor to exceed the adversities. We interview six students of the Initial Nurse Formation Course of the Health college of the University of Aveiro, who carried out the Clinical Teaching in the Centro Hospitalar do Alto Minho, at two different moments: before the Clinical Teaching and after. To gathering the requiring data, we prepared two semi-structured interviews. The first to apply before the realization of the Clinical Teaching and the other, after. Then, we identify each interview with two letters, categorize the information in dimensions and we did the analysis of content with the help of the program NU*DIST, in his version 6.0. Of the obtained results we observed that the first Clinical Teaching, as well as the mentorship, corresponded to the expectations of the students. They managed to develop the Nursing interventions learnt in school during the Clinical Teaching, as well as others taught by the tutor.The predicted difficulties are attached to aspects connected with the relation between the students and the tutor; to the Nursing Interventions, namely the fear and the nervousness caused by the responsability of care providing to real persons for the first time; to the report of traineeship; to act in emergency situations; the lack of opportunity to demonstrate the knowledges and to the posture of a tutor, in individual the questioning and the evaluation. After the Clinical Teaching, and with the exception of the lack of opportunity, all the other difficulties are told by the students, as well as the ones related to the service and the technical language. Along the Clinical Teaching the difficulties intend to vanish, due to, in part, to the posture and to the mentorship strategies used by tutors.The students confirm their expectations face to the relation of friendship and empathy what they were intending to establish with the tutor, nevertheless, there was a tutor who adopted a posture of arrogance and distance face to them. The students think that along the theorical component that preceded the Clinical Teaching, they should have enlarged knowledges, especially, in Pharmacology, and not deepen so much contextualizing aspects of some theories. Despite everything, students admit that their Clinical Teaching will be a reference to them, not only in terms of academic formation, but also the professional, because this is the first step to start building the professional identity.
description: Mestrado em Supervisão
URI: http://hdl.handle.net/10773/1364
appears in collectionsDE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009000463.pdf597.82 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2