DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Dissertações e Teses da Universidade de Aveiro > UA - Dissertações de mestrado >
 Validação do Barriers and Facilitators Checklist destinado a pessoas com afasia
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/13623

title: Validação do Barriers and Facilitators Checklist destinado a pessoas com afasia
authors: Godinho, Sílvia Carina Brandão
advisors: Matos, Maria da Assunção Coelho de
Jesus, Luís
keywords: Ciências da fala e da audição
Afasia
Acidente vascular cerebral
issue date: 2014
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Introdução: Uma das principais sequelas dos danos cerebrais resultantes de um AVC é a afasia. Em Portugal, o AVC é o dano cerebral que provoca maior incapacidade na população idosa, tornando-se, essencial que haja um melhoramento da prestação de cuidados de saúde a estes indivíduos. A participação em atividades do quotidiano pode estar comprometida nestes indivíduos devido à existência de Barreiras, que são de interesse conhecer e identificar. Objetivos: Este trabalho pretende realizar parte do processo de validação do instrumento de avaliação “Barriers and Facilitators Checklist “ (BFC) e do seu Manual de Aplicação, identificando quais as principais barreiras e facilitadores identificados pelas pessoas com afasia durante a sua participação. Metodologia: O Manual de Aplicação do BFC foi avaliado por um painel de peritos, de forma a avaliar a sua validade de conteúdo. Pretende-se também avaliar a fiabilidade inter e intra avaliadores do BFC. Para tal, o BFC foi aplicado e filmado por um avaliador, em dois momentos de avaliação, a 14 pessoas com afasia que reuniam os critérios de inclusão, após a aplicação da Bateria de Avaliação da Afasia de Lisboa. Um segundo avaliador analisou os vídeos recolhidos em ambos os momentos. Resultados: No Manual, de todas as dimensões avaliadas, apenas a da Relevância apresentou um valor de Índice de Validade de Conteúdo (IVC) excelente (IVC= 0.98). As restantes dimensões apresentaram valores elevados (IVC= 0.75 e IVC= 0.76), no entanto, ligeiramente abaixo do limiar considerado como desejável (IVC= 0.78). A concordância entre os peritos, em todas as dimensões apresentou um valor de Kappa de Fleiss superior a 0.70, considerado como elevado. Relativamente à fiabilidade intra-avaliador o Kappa de Fleiss e a percentagem de concordância médios foram de 0.68 e 79%, respetivamente o que permite concluir que o instrumento não apresenta uma fiabilidade intra-avaliador muito elevada. Em termos de fiabilidade inter-avaliador, esta revelou ser elevada já que se observou uma boa concordância entre os avaliadores em ambos os momentos avaliados, com valor de Kappa de Fleiss médio de 0.95 e percentagem de concordância média de 97%. Conclusão: O Manual do BFC revela uma excelente concordância entre avaliadores, com valores de kappa de Fleiss elevados. A partir dos resultados obtidos pode-se concluir que o BFC apresenta uma boa validade de conteúdo. O instrumento apresenta uma boa fiabilidade inter-avaliador mas o mesmo não acontece com a fiabilidade intra-observador.

Background: One of the most common consequences of brain injury after stroke is aphasia. Stroke is first cause of disability in the elderly population in Portugal. It is therefore essential to improve the health care programs for these individuals. The participation in daily life activities by these individuals is compromised due to Barriers that need to be identified. Aims: This work aims to perform part of the validation process of the assessment tool Barriers and Facilitators Checklist (BFC) and his Manual. The barriers and facilitators of people with aphasia during their community participation (social communication) will also be identified. Method: The Manual was analysed by 8 speech and language therapists in order to estimate its content validity. The use of the BFC was filmed as it was applied at two different moments in time by one person to 14 people with aphasia that met specific the inclusion criteria, and after the use of the “Bateria de Avaliação de Afasia de Lisboa”. A second person analysed the videos from both instances in time. Results: Of all analysed dimensions in the Manual, only the Relevance showed a good Content Validity Index (CVI) of 0.98. The remaining dimensions presented high values (CVI = 0.75 and CVI = 0.76), but below what is usually considered acceptable (CVI = 0.78). The agreement between the judges, in all of the dimensions showed a Fleiss’ Kappa of 0.70, which is considered high. In terms of intra-judges reliability Fleiss’ Kappa and the average agreement percentage were 0.68 and 79% respectively, which revealed there is instrument does not present a particularly high intra-judges reliability. The inter-judges reliability was high, since there was a great agreement between judges at the two moments, with an average Fleiss’ Kappa of 0.95 and an average percentage of agreement of 97%. Conclusions: Analysis of results showed that the BFC Manual presented a great agreement between judges, with high Fleiss’ Kappa values. These results revealed the BFC presents high content validity. The instrument presents a higher inter-judge reliability than the intra-judge reliability.
description: Mestrado em Ciências da Fala e da Audição
URI: http://hdl.handle.net/10773/13623
appears in collectionsCS - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
tese.pdftese2.21 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2