DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Dissertações e Teses da Universidade de Aveiro > UA - Dissertações de mestrado >
 Validação da escala de experiências subjetivas de psicose
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/12792

title: Validação da escala de experiências subjetivas de psicose
authors: Martins, Filipa Alexandra Ferreira
advisors: Soares, Sandra Cristina de Oliveira
Madeira, Nuno Gonçalo Gomes Fernandes
keywords: Psicologia clínica
Psicose
Esquizofrenia
Auto-avaliação
Instrumentos de avaliação
issue date: 2013
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Um número alargado de instrumentos têm vindo a ser desenvolvidos para avaliar de forma válida e fiável sintomas psicóticos e os efeitos do tratamento ao longo do tempo. Porém, grande parte destes instrumentos são de heteroavaliação, focando apenas a presença e severidade de sintomas psicopatológicos, não tendo por isso em conta outras dimensões que poderão ser relevantes do ponto de vista dos doentes no que diz respeito aos efeitos do tratamento. A Escala de Experiências Subjetivas de Psicose (SEPS) surgiu assim da necessidade de disponibilizar uma escala de auto-avaliação, que refletisse as várias dimensões das experiências psicóticas e que traduzisse a experiência e perspectiva de pacientes em termos de recuperação da psicose. O objetivo do presente estudo foi traduzir, adaptar e validar a versão portuguesa da SEPS, com o intuito de disponibilizar um instrumento que permita avaliar e monitorizar dimensões de sintomas psicóticos. A amostra foi constituída por 30 participantes do Serviço de Psiquiatria do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, que tinham experienciado recentemente delírios ou alucinações. A SEPS foi preenchida juntamente com outros instrumentos de hetero-avaliação (BPRS, ITAQ, FAST e CDSS) e de auto-avaliação (RAS, BSI, BDI-II e MARS). Dois fatores principais, representando as componentes positiva e negativa de cada subescala, foram identificados. Foram obtidos bons valores de consistência interna e de fidelidade teste-reteste para as componentes positivas e negativas de todas as subescalas. As subescalas da SEPS apresentaram-se correlacionadas com as medidas de auto e hetero-avaliação utilizadas. A SEPS demonstrou ser uma escala útil na avaliação e monitorização de dimensões de sintomas psicóticos.

A large number of instruments have been developed to evaluate psychotic symptoms and the effects of treatment over time. However, most of these measures are observer-based assessements, focusing only on the presence and severity of psychopathological symptoms, and therefore not considering other dimensions that may be relevant from the patients point of view regarding the treatment effects. The Subjective Experiences of Psychosis Scale (SEPS) emerged to provide a self-report scale that would reflect the several dimensions of psychotic experiences and to translate the perspective and experience of patients in terms of recovery from psychosis. The aim of this study was to adapt and validate the portuguese version of SEPS, in order to provide an instrument to assess and monitor dimensions of psychotic symptoms. The sample consisted of 30 participants of the Psychiatric Service of the Coimbra Hospital and Universitary Centre, who had recently experienced delusions or hallucinations. The SEPS was filled with other observer based assessements (BPRS, ITAQ, FAST and CDSS) and self-report questionnaires (RAS, BSI and BDI-II). Two main factors, representing the positive and negative components of each subscale were identified. We obtained good internal consistency and test-retest reliability for the positive and negative components of all subscales. The subscales of SEPS correlated with the observer-based assessements and selfreport questionnaires used. The SEPS proved to be useful in the assessement and monitoring dimensions of psychotic symptoms.
description: Mestrado em Psicologia - Psicologia Clínica e da Saúde
URI: http://hdl.handle.net/10773/12792
appears in collectionsDE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
tese.pdftese913.28 kBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2