DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 Do pensável ao impossível : a intervenção do Design na concepção de um portal universitário
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1191

title: Do pensável ao impossível : a intervenção do Design na concepção de um portal universitário
authors: Silva, Hugo Fernando Rodrigues da
advisors: Branco, Vasco
Dias, Luís Nuno Coelho
keywords: Design
E-learning
Páginas web
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Este trabalho, na área das interfaces Web, foi motivado pelo défice social de serviços de apoio ao Ensino Superior, como principais ferramentas de gestão de conteúdos educativos. O estudo efectuado, sobre o entendimento do novo software social, revelou a sua complexidade, resultado da teia de influências comerciais e tecnológicas que o condicionam, em especial à própria Web, enquanto suporte dessas actividades. Foram estudadas as principais ferramentas que proporcionaram o desenvolvimento de uma nova esfera social na Web, aquilo a que designamos por Web 2.0, tendo-se focalizado este projecto no âmbito do Design de Interacção, na definição do domínio behavioural e constructional de uma ferramenta que apoia o ensino e aprendizagem para o Ensino Superior. Dada a complexidade do projecto, optou-se por dividi-lo em subprojectos. Fazem parte desta dissertação a definição de um cenário gráfico integrador no âmbito geral do projecto, assim como a interlocução dos processos de construção de mensagens visuais, definidos pelos outros domínios do projecto. Desde a sua origem, o projecto denominado como Sapo Campus recebe influência de uma visão estratégica comercial e institucional que definiu um modelo estrutural já previamente desenvolvido. Nesse sentido, a filosofia desta dissertação passou por sistematizar, na definição conceptual das interfaces, a identidade e linguagem dos serviços do SAPO, que servem de suporte a alguns dos serviços da plataforma Sapo Campus. Definiu-se que o desenho de uma nova ordem identitária dos serviços abrange três domínios: o domínio gráfico, o estrutural e o de navegação. Estas três áreas serviram de campos de abordagem ao projecto e também de campos de análise aos próprios serviços do SAPO. Neste documento, descreve-se ainda uma narrativa sobre um desenvolvimento conceptual da ordem pensável, já limitado por uma predefinição estrutural, até aos resultados de uma ordem possível, consequentes da implementação e dos constrangimentos organizacionais, agregados à complexidade de um projecto deste nível. Também sobre os três domínios definidos inicialmente, foi realizada a avaliação das interfaces com uma amostra reduzida de participantes, que definem um perfil de literacia visual acima da média dos grandes utilizadores do serviço permitindo motivar e definir novas possibilidades de desenvolvimentos futuros. ABSTRACT: This work on the area of Web interfaces was motivated by the limited number of available support services to higher education as main management tools of educational contents. The study carried out about the understanding of the new social software proved complex due to the series of commercial and technological influences, which restrict it, specially the Web, as a means of support for these activities. The main tools, which provided the development of a new social sphere on the net were studied. This sphere, named Web 2.0, led to focus this project on the scope of Interaction Design in the definition of the behavioural and constructional domain of a tool, which supports both teaching and learning at the higher education. Due to its complexity, we opted to divide the project into subprojects. To this dissertation belong both the definition of integrator graphic scenery within the general scope of the project and the interlocution of construction processes of visual messages, defined by other areas in the project. Since its foundation the project named Sapo Campus has received influence by a commercial and institutional strategic view, which defined a structural model previously developed. In this way, the philosophy of this dissertation in the conceptual definition of interfaces focused on systematizing the identity and language of SAPO services, which are used as means of support to some services of Sapo Campus platform. The design of a new identity order of services comprises three domains: the graphic, structural and navigation. These three areas served both as approach fields to the project and as analysis fields to SAPO services. In this document, besides developing the referred topics, we describe above all a narrative about the conceptual development from the thoughtful order, already limited by a structural predefinition, to the possible order, consequent of the implementation and of the organizational constraints linked to the complexity of such a project. Still about the three domains initially defined, we made the evaluation of the interfaces basing on a limited sample of participants who define the profile of visual literacy above the average of most users of the service, enabling the motivation and definitions of new possibilities toward future developments.
description: Mestrado em Design
URI: http://hdl.handle.net/10773/1191
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file sizeformat
2010000296.pdf44.08 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2