DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 Arte e tecnologia : estratégias de subversão e transgressão
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1182

title: Arte e tecnologia : estratégias de subversão e transgressão
authors: Correia, Pedro Luís Lopes Pais
advisors: Bastos, Paulo Bernardino das Neves
keywords: Criação artística
Expressão artística
Arte moderna
Arte digital
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Este projecto orienta-se em torno de um corpo de trabalho simbólico que explora as relações entre arte e tecnologia. Ao incorporar o digital, resultado da crescente e progressiva artificialização da vida, a arte (des)configura-se e reconfigura-se. Nesta abordagem a tecnologia surge, para além da sua esfera instrumental, como foco e factor destabilizador. O mundo em transformação, o esforço despendido na adaptação aos novos media e uma deriva pessoal, servem de matéria para o desafio subversivo. Percepcionando primeiro as capacidades da tecnologia para de seguida transgredir: contrariando o seu determinismo, instigando o desvio, ou questionando o seu carácter quimérico, abrem-se novas frentes de produção poética e vinca-se uma dobra que acolhe e despoleta a sua apropriação crítica. Procura-se ainda desconstruir o fetichismo dos aparelhos, sem subestimar as suas infinitas potencialidades, retratando a nossa passagem feérica de nativos pré-digitais a seres virtuais. A substância deste trabalho é, assim, a reflexão sobre a tecnologia enquanto elemento condicionador da arte e da vida quotidiana, que aqui se deixam trespassar. ABSTRACT: This project focuses on a corpus of symbolic work that explores the relationship between art and technology. By incorporating digital media, a consequence of the increasingly and evergrowing artificiality of life, artwork shapes and reshapes itself. In this approach, technology emerges, beyond its instrumental character, both as the core of the projects and as a disturbing factor. The world in transformation, the efforts spent in adapting to the new technological media and a personal roam are the materials for the subversive challenge. By firstly realizing the potentialities of technology and then transgressing it: by opposing its determinism, by instigating the deviance or re-questioning its illusive character, new fields of action emerge for symbolic production and a fold for its critical appropriation is made. There is also an attempt of deconstructing the fetishism of the technical equipments without underestimating their endless potentialities, giving an account of our enchanted journey from pre-digital natives to virtual beings. Therefore, the substance of this work is a reflection upon technology as a conditioning factor of art and everyday life that (here) interpenetrate each other.
description: Mestrado em Criação Artística Contemporânea
URI: http://hdl.handle.net/10773/1182
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2010001973.pdf6.2 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2