DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 Análise das interacções no Second Life em contexto educativo
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1158

title: Análise das interacções no Second Life em contexto educativo
authors: Pita, Sara Topete de Oliveira
advisors: Pedro, Luís Francisco Mendes Gabriel
Moreira, António Augusto de Freitas Gonçalves
keywords: Ensino multimédia
Inovação educativa
Internet
Realidade virtual
Tecnologia da educação
issue date: 2009
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: A Web 2.0 diferencia-se por centrar a sua actuação nas pessoas, incentivando a colaboração e a participação activa dos diversos intervenientes. O interesse despoletado pelos media nos mundos virtuais resulta de uma adesão notável a estes ambientes, sobretudo devido às suas imensas potencialidades na área dos negócios e da educação. O Second Life®, em particular, alberga actualmente cerca de 15 milhões de residentes geograficamente dispersos, de acordo com os dados disponibilizados pela LindenLab, que interagem e partilham informações frequentemente. Este carácter predominantemente social e colaborativo pode ser, com efeito, uma mais-valia no processo de ensino e aprendizagem, pelo que a sua utilização a nível educativo tem vindo a aumentar. Com o objectivo de compreender as suas potencialidades reais, o presente estudo analisa as interacções geradas em diversos encontros promovidos pelos alunos do Curso de Mestrado em Multimédia em Educação da Universidade de Aveiro, analisando quer a componente verbal, quer a componente não-verbal das comunicações resultantes dessas interacções. Para tal foram seleccionados vários critérios de observação – características físicas, proxémica, cinética, afectividade, interactividade e coesão –, a partir dos quais se retiraram algumas conclusões. Os resultados permitiram aferir que a tipologia da interacção predominante é, indubitavelmente, a comunicação verbal, mesmo aquando da expressão de emoções e da demonstração do estado de espírito. Para além disso, verificou-se uma participação avolumada, corroborada pelo volume de mensagens reunidas, e um grande interesse na discussão dos temas em causa. Quanto à componente não-verbal registou-se uma prevalência pela configuração circular do grupo, indicando claramente o sentido de comunidade. Estas e outras conclusões são apresentadas no final do presente estudo, adiantando-se que, de um modo geral, os indivíduos participaram activamente nos debates encetados. ABSTRACT: The Web 2.0 differentiates itself by focusing its actions on people, encouraging collaboration and active participation of various persons. The interest triggered by the media in virtual worlds is the result of a remarkable attraction to these environments, mainly due to its huge potential in the area of business and education. Second Life® in particular currently houses about 15 million geographically dispersed residents, according to data released by LindenLab, which often interact and share information. This predominantly social and collaborative nature may be, in effect, an added value in the process of teaching and learning, as its use in education has been increasing. In order to understand its real potential, this study analyses the interactions generated in several meetings called by the students of the Master Degree in Multimedia in Education at the University of Aveiro, examining the verbal and non-verbal communication components of these interactions. To this end, several criteria were selected for observation - physical, proxemics, kinetics, affection, interaction and cohesion - from which some conclusions were drawn. The results showed that the predominant type of communication interaction is undoubtedly verbal, even when expressing emotions and demonstrating state of mind. In addition, there has been a huge participation, supported by the volume of messages gathered, and a great interest in the discussion of the topics proposed for debate. As for the non-verbal component, predominance for a circular configuration of the group was registered, clearly indicating a sense of community. These and other conclusions are presented at the end of this study. However, we can advance that, in general, individuals participated actively in the discussions.
description: Mestrado em Multimédia em Educação
URI: http://hdl.handle.net/10773/1158
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
DE - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009000713.pdf3.33 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2