DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Comunicação e Arte > DECA - Dissertações de mestrado >
 A legibilidade gráfica face a uma sociedade envelhecida : um estudo de caso
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1129

title: A legibilidade gráfica face a uma sociedade envelhecida : um estudo de caso
authors: Marta, Benedita de Lacerda Henriques Camacho
advisors: Mota, João António de Almeida
keywords: Design
Imagens
Comunicação visual
Sociologia do design
Envelhecimento demográfico
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Este trabalho propõe-se analisar e avaliar metodologias e práticas do acesso do público português à informação medicamentosa, com particular incidência nos processos perceptivos, interpretativos e cognitivos, tendo em vista a construção de um folheto informativo medicamentoso mais adequado ao fim informativo a que se destina. A sua linha de investigação está direccionada no sentido do Design Inclusivo, vulgarmente conhecido por Design Universal, como atitude em que estão implicadas preocupações de ordem ética e social, e inquietações morais socialmente relevantes. Os seus objectivos vão ao encontro de condicionantes e tendências sociais actuais, como sejam o acentuado envelhecimento demográfico e a crescente preocupação com a integração social das pessoas portadoras de incapacidades. É seu propósito contribuir para assegurar que produtos, serviços e resultados respondam às necessidades e carências das pessoas, independentemente da sua idade ou capacidade, num campo em que elas têm vindo a ser excluídas ou marginalizadas por práticas de design inadequadas. O presente estudo questiona a legibilidade gráfica no contexto de uma sociedade envelhecida, tomando como objecto de estudo o folheto informativo da Aspirina 500mg da Bayer. Esta escolha justifica-se por se tratar de um fármaco de venda livre, com uma ampla e consistente difusão pelo mundo ao longo de muitos anos e com um espectro de utilização tão alargado que explica que possa ser considerado o medicamento que mais benefícios trouxe à humanidade. A informação dos folhetos informativos medicamentosos revela gerais e manifestas insuficiências relativamente às necessidades do utilizador, pelas dificuldades da sua leitura gráfica. Dado que o design de comunicação eficaz está intimamente ligado a uma compatibilização de necessidades, desejos e capacidades de selecção, e a um sistema de recursos que garanta a qualidade de vida na sociedade, este tipo de investigação constitui uma ferramenta de planeamento estratégico aplicável, tanto no campo da regulamentação legal, como na formulação de critérios de design visando a melhoria da informação gráfica medicamentosa. Nestes termos, o estudo que desenvolvemos concluiu pela necessidade urgente de alteração da legislação nacional e fundamentou a proposta de quatro templetes adequados a um público-alvo diferenciado: • adultos sem insuficiências visuais; • adultos com insuficiências visuais; • adultos invisuais (Braille); • adultos estrangeiros (Inglês). ABSTRACT: practices of access to medical information in Portugal, focusing on perceptive, interpretative and cognitive processes, with the aim of creating a more adequately informative directions leaflet for medicines. Our line of research is directed towards Inclusive Design, also known as Universal Design, which implies being ethically and socially concerned and attentive to socially relevant moral considerations. Our objectives link up with present social conditions and tendencies such as an increasingly ageing population and a growing awareness of the needs of people with disabilities where social integration is concerned. An important aim is to ensure that products, services and results are able to respond to people’s needs, regardless of their age and abilities, in an area where they have been persistently excluded or marginalized by inadequate design practices. The present case study questions graphic legibility in the context of an ageing society through the analysis and evaluation of the directions leaflet of Aspirin 500mg by Bayer. The choice of this product is justified by the fact that it is a free sale drug, widely known and distributed, with a long history and an unmatched solid reputation. The graphic information on the directions leaflets for medicines is generally deficient in terms of legibility, which means it does not respond to consumers’ needs. Because an effective graphic design is inextricably linked to a harmonization of needs, desires and powers of selection, and to a system of resources able to guarantee quality of life, studies of this kind become strategic planning tools applicable in the formulation both of legal rules and of design criteria which aim at improving graphic information about medicines. In the present case we concluded by substantiating the need to alter the national legal rules governing this matter and by presenting a proposal of four templates aimed at different targets: • adults without visual impairments; • adults with visual impairments; • blind adults (Braille); • foreign adults (English).
description: Mestrado em Design
URI: http://hdl.handle.net/10773/1129
appears in collectionsDECA - Dissertações de mestrado
UA - Dissertações de mestrado

files in this item

file description sizeformat
2009000507.pdf40.4 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2