DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Educação > DE - Teses de doutoramento >
 A figura masculina na docência do ensino primário : um "corpo estranho" no quotidiano das escolas públicas "primárias" do Rio de Janeiro-Brasil e Aveiro-Portugal
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1126

title: A figura masculina na docência do ensino primário : um "corpo estranho" no quotidiano das escolas públicas "primárias" do Rio de Janeiro-Brasil e Aveiro-Portugal
authors: Rabelo, Amanda Oliveira
advisors: Martins, António Maria
keywords: Sociologia da educação
Professores do básico 1º ciclo
Profissão docente
Diferenças entre sexos
issue date: 2008
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: Esta tese é um estudo comparativo que dá conta de uma busca centrada na figura do professor do sexo masculino que trabalha no ensino público do “ensino primário” do Rio de Janeiro - Brasil e em Aveiro - Portugal. O que se pretende averiguar, fundamentalmente, são os motivos e as conseqüências da escolha profissional destes professores que se enveredam por uma área tipicamente associada com o feminino, uma associação tão forte que estes professores parecem um “corpo estranho” no quotidiano das escolas públicas “primárias”. Ou seja, nosso objetivo é entender por que os homens escolhem o magistério? Esta escolha é bem vista pelas pessoas do seu quotidiano ou é desvalorizada? Estes homens estão satisfeitos com a sua profissão ou ela serve como um trampolim para outras? A aptidão para o magistério depende do sexo? Eles são bem recebidos na sua profissão ou sofrem discriminações? Será que ganhamos algo com a existência ou ingresso de homens no magistério primário? Pesquisar a opção docente dos homens que ingressam no magistério público é importante porque a escola é o espaço de vivência e convivência educacional onde a maioria da população é socializada. Desta forma, esta investigação mostra-se relevante ao promover discussões centradas nas representações de gênero que rondam o campo profissional da docência, questionando a normalização do magistério enquanto profissão aliada a atributos considerados femininos, tendo como desafio desmistificar as representações preconceituosas de gênero que cercam os professores deste segmento. A tese foi orientada pela abordagem de investigação narrativa, centrada no método qualitativo, para obter uma maior profundidade dos dados, assim como no método quantitativo, com o fim de obter também dados mais gerais sobre a temática. A informação foi recolhida através de inquéritos por questionário e entrevistas com professores “primários” do sexo masculino. Apontamos que a presença de professores do sexo masculino na docência do “ensino primário” é uma forma de inserir as questões de gênero na educação, mostrando que existem outros temas e outras vozes que ecoam nas escolas, ou seja, indivíduos capazes de exercer esta profissão independente do seu sexo. Demonstramos, acima de tudo, que apesar das discriminações, do malestar, do estatuto financeiro e social, o homem pode escolher essa atividade por gosto, ter sucesso e reconhecimento profissional.

This thesis is a comparative study that performs a search focused on the figure of the male teacher who works in the "primary" public education in Rio de Janeiro - Brazil and in Aveiro - Portugal. We intended, fundamentally, to investigate the reasons and consequences of the professional choice of teachers who are engaged in an area typically associated with women, an association so strong that these teachers seem a “foreign body” in the daily lives of “primary” public schools. In other words, our goal is to understand why men choose teaching? Is this choice well seen by people in their daily lives or is devalued? Are these men satisfied with their profession or does it serve as a “springboard” for other? Does the ability depend on the teaching of gender? Are they well received in their profession or suffer discrimination? Will we gain something with the existence or admission of men in primary teaching? Investigate the men option who enter in the public teaching is important because the school is the space of educational experience and coexistence where the majority of the population is socialized. Thus, this research is important to promote discussions centred on the representations of gender that surround the professional field of teaching, questioning the normatization of teaching as a profession combined with attributes considered female, we have the challenge of demystify the prejudiced representations of gender that surround the teachers of this segment. The thesis was guided by the narrative approach of the research, focused on the qualitative method to obtain a greater depth of data, as well as in the quantitative method in order to also obtain more general data about the theme. The informations were collected through questionnaires and interviews with “primary” male teachers. We demonstrate that the presence of male teachers in the teaching of “primary education” is a way of putting the issues of gender in the education, showing that there are other issues and other voices that echo in the schools, or capable individuals of exercising this profession regardless of gender. We explain, above all, that despite the discrimination, the burnout, the financial and social status, the man can choose this activity by pleasure, and get success and professional recognition.
description: Doutoramento em Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10773/1126
appears in collectionsUA - Teses de doutoramento
DE - Teses de doutoramento

files in this item

file description sizeformat
2009001219.pdf3.05 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2