DSpace
 
  Repositório Institucional da Universidade de Aveiro > Departamento de Educação > DE - Teses de doutoramento >
 A gestão intermédia nos agrupamentos de escolas: os coordenadores de estabelecimento e as lideranças periféricas
Please use this identifier to cite or link to this item http://hdl.handle.net/10773/1115

title: A gestão intermédia nos agrupamentos de escolas: os coordenadores de estabelecimento e as lideranças periféricas
authors: Castro, Dora Maria Ramos Fonseca de
advisors: Costa, Jorge Adelino
keywords: Administração escolar
Directores de estabelecimentos de ensino
Liderança
Ensino básico 1º ciclo
Ensino pré-escolar
issue date: 2010
publisher: Universidade de Aveiro
abstract: As escolas do 1º ciclo e os jardins-de-infância confrontaram-se recentemente com a obrigatoriedade de se organizarem em associação com outras escolas do 2º e 3º ciclos do ensino básico através dos chamados Agrupamentos de Escolas. Estes Agrupamentos (verticais) poderão ser entendidos como funcionando num certo modelo de rede piramidal ou seja, cria-se um centro de decisão – a escola-sede do Agrupamento (por norma, uma escola do 2º e 3º ciclo do ensino básico, com os seus órgãos de gestão de topo) – relativamente ao qual se afiliam uma série de escolas periféricas, designadamente da educação préescolar e do 1º ciclo do ensino básico. Procuraremos, neste estudo, problematizar a situação periférica destes estabelecimentos de educação e de ensino, tendo em conta a complexidade das regulações e tensões a que estão sujeitos e que colocam no centro das atenções a figura do Coordenador de estabelecimento. É com base num estudo de caso sobre um Agrupamento de Escolas, situado no norte do país, que procurámos perceber qual o papel que os Coordenadores de estabelecimento assumem ao nível da gestão intermédia do Agrupamento, analisando em particular a sua condição de líderes periféricos deste tipo de organização escolar. ABSTRACT: Primary schools and pre-schools were faced recently with the compulsory directive to organize themselves in association with other schools (middle schools and junior high schools) through the so-called Groups of Schools (Agrupamentos de Escolas). These (vertical) Groups can be understood as functioning in a certain model of pyramidal network, which means that a decision center is created – the school-headquarter of the Group of Schools (generally, a junior high school, with its management bodies) – to which a series of peripheral schools are associated, namely pre- and primary schools. Our aim with this work is to discuss the peripheral situation of these schools, taking into account the complexity of the regulations and the tensions that face and that place in the spotlight the figure of the School Coordinator (Coordenador de estabelecimento). This discussion is based on a case study about a Group of Schools, situated in the north of the country, and through it we aimed at understanding what is the role assumed by the School Coordinators at the level of the middle management of the Group of Schools, analysing in particular their position as peripheral leaders of this type of school.
description: Doutoramento em Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10773/1115
appears in collectionsUA - Teses de doutoramento
DE - Teses de doutoramento

files in this item

file description sizeformat
2010000494.pdf2.6 MBAdobe PDFview/open
statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Valid XHTML 1.0! RCAAP OpenAIRE DeGóis
ria-repositorio@ua.pt - Copyright ©   Universidade de Aveiro - RIA Statistics - Powered by MIT's DSpace software, Version 1.6.2